Criar um Site Grátis Fantástico
Translate to English Translate to Spanish Translate to French Translate to German Translate to Italian Translate to Russian Translate to Chinese Translate to Japanese
INQUÉRITO
DO QUE GOSTOU MAIS?
Fotos
Canções
Videos
Poesia
Textos
Projectos escolares
Tema religião
Tema mitologia
Ver Resultados

  • Currently 2.48/5

Rating: 2.5/5 (1315 votos)




ONLINE
1





Partilhe esta Página



BENVINDO

WELCOME

BIENVENU

WILLKOMMEN

BIENVENIDO

benvenuto

välkommen

bine ai venit

ترحيب

ברוך הבא

आपका स्वागत है

歡迎

καλωσόρισμα

добро пожаловать

ยินดีต้อนรับ

환영

kuwakaribisha

歓迎

ողջույն

selamat datang

நல்வரவு

 

 

 

 SOBRE MIM

     O meu nome é carlos manuel, sou professor, autor, compositor, colecionador de instrumentos musicais de todo o mundo e viajante sempre desejoso de ir mais longe. Gosto de viajar dentro de mim, em busca de novos lugares de inspiração e criatividade. Gosto de viajar na musica, na beleza das palavras e dos sons. Gosto de fazer música para quem nela quiser viajar.

 

VER TAMBÉM

www.vozetnica.blogspot.com

 

 MUSEU

     A instalação de um museu, onde possa ter exposta, de forma permanente, a minha coleção de instrumentos étnicos de todo o mundo, é um desejo só possível com ajuda jurídica e financeira. Para quem puder, e quiser ajudar, por favor contacte-me para o meu email carlosmanuel.sp@gmail.com Obrigado.

 

 

PUBLICIDADE

    No sentido de proporcionar receitas para a instalação do museu, é possível também a colocação de publicidade neste site. A eventuais interessados deixo o meu contacto de email: carlosmanuel.sp@gmail.com

Adufe genial da Catarina Anes, para Projeto Escolar Duff e Adufe, ano letivo 2015/16. Trabalho realizado pela Catarina com o seu pai e mãe. Muito obrigado. Clique no slideshow e aceda à página Duff e Adufe.

Projeto Escolar Duff e Adufe. Adufe pavão do professor, feito em caixa de pizza e cartolinas. Mais fotos, canções e vídeos em janela EDUCAÇÃO, item Duff e Adufe

 

cartaxo da Catarina Anes e do pai

Cartaxo da Catarina Anes, 5ºF e do pai, para projeto escolar cartaxos, ano letivo 2014/2015. Ver fotos e canções em item Educação/Cartaxos. Este trabalho obteve o 1º lugar no concurso de cartaxos.

Painel de cartaxos de João Henriques e família

Painel de cartaxos de João Henriques e família para a exposição escolar 2014/2015. Ver fotos e canções em item Educação/Cartaxos. Este trabalho obteve o 2º lugar no concurso de cartaxos.

Museu Virtual

Clique na imagem e aceda a link

cartaxos do João Henriques, do pai e da mãe

Cartaxo do João Henriques, do pai e da mãe. Projeto escolar 2014/2015 "Cartaxos". Ver fotos e canções em janela Educação, item cartaxos.

 

cartaxos bruxa

Cartaxos bruxa do professor. Mais fotos e canções em janela Educação, item Cartaxos.

 

Mobile sonoro

Mobile sonoro vencedor do concurso escolar. Feito por alunos e monitores da Cercimor. Do aluno Pedro do 5º ano. Mais fotos, video e canções, no item EDUCAÇÃO, mobiles sonoros.

Mobile sonoro

 

fundaçãocmcm

Clique na imagem e aceda a link

 

Chincalhos

Chincalhos. Feitos por alunas de 5º ano e famílias para a exposição na escola. Estes chincalhos inspiraram canções ao professor, que foram trabalhadas nas aulas, com flautas e instrumental Orff, gravadas e filmadas. Mais fotos e canções no item EDUCAÇÃO, canções dos instrumentos.

Chincalhos

Clique na imagem para ir a:

CMSerProfessor

 

Mobile sonoro

Mobile sonoro feito por aluna do 5º ano e a avó. Inspirou a canção Búzios, que se pode ouvir no item EDUCAÇÃO, mobiles sonoros.

 

carlosnetmood

Clique na imagem para aceder a link

 

Maraca

Maraca gato branco. Feito por aluna do 5º ano e família. Canção inspirada neste instrumento no item EDUCAÇAO, canções dos instrumentos.

 

Mobile sonoro

Mobile sonoro de canas coloridas. Feito por aluna do 5º ano e monitora da oficina da criança. Inspirou a canção Canavial, em item EDUCAÇÃO, mobiles sonoros.

 

pinto a manta

Clique na imagem para aceder a link

 

Reco-reco

Reco-reco galo. Feito por aluno do 5º ano e família para exposição escolar. Inspirou a canção Um regalo, que se encontra no item EDUCAÇÃO, canções dos instrumentos.

 

Reco-reco

Reco-reco peixe. Colaboração de aluna de 5º ano para a exposição na semana de educação musical. O instrumento foi construído por um senhor amigo da família, no Escoural. Inspirou canção, que se encontra no item EDUCAÇÃO, canções dos instrumentos.

 

Cartaxo

Cartaxo. Instrumento de cana, utilizado nos ranchos folclóricos. Oferecido por aluno. Tema para a exposição escolar deste ano letivo 2014/15. Ver fotos e canções no item CARTAXOS.

 

Natureza sonora

Natureza sonora. Projeto escolar. Mais fotos e canções em item EDUCAÇÃO, natureza sonora.

 

Mobile sonoro

Mobile sonoro com aproveitamento de tampas de garrafas e algumas conchas. Colaboração para a exposição escolar de aluno de 5º ano e família. Inspirou a canção Tampinha, trabalhada na aula com vozes, flautas e Orff.

 

Tréculas

 Tréculas. Idiofone tradicional português. Este instrumento foi feito pelo pai de uma aluna de 6º ano para a exposição da escola subordinada ao tema "instrumentos tradicionais". Inspirou uma canção, que a turma trabalhou com vozes, flautas e Orff. Mais fotos e canções em item EDUCAÇÃO, canções dos instrumentos.

 

          

  

 

                 

 

 Ronca de Elvas

 Ronca de Elvas. Mais fotos em MUSEU e EXPOSIÇÃO. Veja também o video no atelier do autor das roncas, Luis Pedras, em OUTRAS ARTES, roncas de Elvas.
         
 

 
         
    
Cordofones e idiofones da minha coleção. Mais fotos em item MUSEU e EXPOSIÇÃO.

 
 
            

     

 

 

 

Mobiles sonoros

 Mobiles sonoros. Mais fotos, videos e canções em item EDUCAÇÃO, mobiles sonoros.

 

 

        

 

 

                

 

 

Na sala de aula

 

 

 

 

 

               

 

 

 

 

 

 

 

          

 

 

                     

 

 

 

 

 

 

 

             

 

 

 

 

                      

       

 

      

 

 

 

      

 

 

            

 

        

 

 

 

 

          

 

 

 

 

 

 

                       

 

 

 

 

 

                  

 

 

 

                  

 

 

 

          

 

 

 

                

 


vietnam
vietnam


 

VIETNAME

12 de Abril 2016

Vietname vai ser a segunda viagem desde ano, que inclui um fabuloso circuito pelo Laos e Cambodja, onde para lá de todas as coisas maravilhosas que constam do roteiro, também terei a oportunidade de um cruzeiro no rio Mekong. A minha expectativa é enorme, e, a seu tempo, colocarei na galeria todas as fotos, bem como darei informações, sugestões, histórias, desta que, espero, seja uma viagem incrível.

 

A VIAGEM

A viagem teve o seu começo no dia nove de Agosto de 2016, com um primeiro voo Air France para Paris. Em seguida, um longo voo de quase doze horas de Paris para Hanói, na Vietnam Airlines. A Vietnam Airlines constituiu uma agradável surpresa. Espaçosa, a distancia ao banco da frente, em económica, pareceu-me maior que em outras companhias. Atendimento muito eficaz, com o carrinho das bebidas a circular muito próximo do carrinho da comida, o que eliminou o tempo de espera a quem pretende acompanhar a refeição com uma bebida. Foi na Vietnam Airlines que bebi o melhor café servido em avião. Experiência positiva.

HANÓI

A chegada a Hanói, passadas quase doze horas de voo, por vezes com bastante turbulência, talvez por causa das monções, decorreu da melhor maneira. O processo de legalização junto das autoridades foi rápido e eficaz. O visa custou menos do que estávamos à espera. Tinha sido informado pela agência que se teria que pagar 45 euros por pessoa, no entanto, foi-nos pedido 50 euros por duas pessoas, o que constituiu de imediato uma boa surpresa. è necessário, também, fazer a entrega de uma foto.

No caminho do aeroporto para o hotel, o que mais me impressionou desde logo, foi o trânsito, louco, aparentemente desorganizado e caótico mas onde parece correr tudo bem,e, principalmente a enorme quantidade de motos, centenas e centenas a circular e pareciam não ter fim quando paravam nos sinais vermelhos.

 No hotel costumo sempre solicitar um mapa da cidade e assinalo a localização do hotel e dos pontos de interesse que pretendo visitar. Neste caso, esse mapa foi-nos fornecido pelo guia, que muito simpaticamente também nos deu algumas indicações.

Eu, por exemplo, procuro saber de imediato, onde posso encontrar uma loja de instrumentos musicais. A primeira coisa que faço depois que deixo as malas no quarto do hotel é sair para a rua, fazer um reconhecimento das redondezas, de preferência a pé. Desta vez também fiz assim. Com o mapa nas mãos, saí para a rua e tentei encontrar o caminho para uma zona central, relativamente perto do hotel, onde sabia haver muitas atrações e, também, lojas de instrumentos musicais. A meio caminho, no entanto, um rapaz com um riquexó a pedais, insistiu tanto para nos levar, parecia desesperado para realizar algum dinheiro, fez-nos um preço um pouco mais baixo que o inicialmente pedido, depois de algum regateio, que, nestas paragens, é fundamental, e lá fomos a caminho da loja de música que pretendia encontrar.

E assim, de riquexó, fizemos um passeio pelas ruas de Hanói, e o rapaz foi mesmo levar-nos à loja de instrumentos musicais, onde, maravilhado com o exotismo de alguns instrumentos, comprei alguns, nessa primeira visita, porque depois de regressar ao hotel e descansar um pouco da longa viagem, voltei à mesma loja para fazer mais algumas compras, ficando assim, logo no primeiro dia em Hanói, com a minha coleção muito mais valorizada e eu muito mais feliz.

Nesta zona da cidade de Hanoi, a parte velha, o movimento de trânsito e pessoas é digno de se ver. À semelhança de todas as cidades asiáticas o colorido é fascinante, também os aromas, mas esses não ficam nas imagens. Andar a pé pela cidade é, para mim, fundamental. Fica-se a conhecer melhor os detalhes dos caminhos e nunca mais se esquece. Pode, além disso proporcionar imagens extraordinárias como esta

 Barbeiro de rua em Hanoi.

Hanoi é a cidade dos lagos, ao que nos foi dito pelo guia, tem dezenas de lagos, claro que não tivemos oportunidade de conhecer todos, mas os que vimos, criam um ambiente muito bonito

 

 

Como já referi, andar a pé pela cidade é a melhor maneira de conhecer e aprender os caminhos para o hotel ou outros lugares que são de visita obrigatória. Além disso, permite também encontrar os detalhes mais extraordinários que, aqui na Ásia são sempre muitos

 Numa cidade asiática, super povoada, é comum ver por todo o lado o emaranhado de fios. Aqui em Hanói os fios vem até ao chão.

O nosso primeiro jantar foi num restaurante à beira de um lago, na zona velha de Hanoi, que tinha visto referenciado em blogues como sendo muito agradável. Descobri depois de entrar que também proporciona música tradicional ao vivo, não sabia, no entanto, que também iria fazer parte do show

          

Dinner show em Hanoi

Hanoi tem mesmo muito que ver e apreciar. Foi-nos proporcionado experimentar a cerveja de arroz num bar local, onde também provamos alguns petiscos

 

Vietname, Hanoi, dia e noite.

Vietname, Hanoi, templos

Vietname, Hanoi, water puppet e Halong Bay

Vietname, Halong Bay e Lao Cai

Vietname, Sapa